4 Principais fatores de ranqueamento que todo site deve ter

Para realizar um trabalho de otimização de sites de qualidade, é preciso considerar os 4 principais fatores de ranqueamento que todo site deve ter. Afinal, todos estes fatores juntos resultarão em um site bem posicionado no Google.

Por isso, é essencial que nenhuma etapa seja negligenciada, e contar com uma equipe com conhecimento sólido em SEO é muito importante. Somente dessa forma o trabalho pode ser escalável para que os resultados sejam crescentes no longo prazo.

Um dos grandes desafios que empresas apresentam para a PubliUP é conseguir ranquear os seus sites entre as primeiras posições nos resultados do Google. E para que uma empresa cresça hoje um ponto muito importante é ter posicionamento relevante para suas palavras-chave.

Assim, os produtos ou serviços oferecidos pela empresa são encontrados pelos usuários. E consequentemente, os resultados aumentam.

É por este motivo que você nunca deve considerar a contratação de um serviço de otimização de sites como um custo para a sua empresa. Pelo contrário, este é um dos investimentos mais importantes em divulgação e marketing para a sua empresa.

Isso é verdade pois quando uma empresa investe na otimização de SEO do seu site, há aumento de receita de forma orgânica e saudável.

Contudo, antes de entender quais são os 4 principais fatores de ranqueamento SEO que o seu site deve ter, é preciso voltar um pouco e entender como os buscadores (essencialmente o Google) funcionam quanto aos seus algoritmos de classificação.

Como funciona o Google e seus fatores de ranqueamento?

Mesmo que existam muito fatores de ranqueamentos diferentes, alguns deles nem são conhecidos. De maneira geral, considera-se que existam 200 fatores diferentes e que afetam o posicionamento de um site.

Porém, algumas exigências dos buscadores para posicionar melhor os sites são conhecidas. Para realizar um trabalho de qualidade, profissionais de marketing digital estão em constante processo de aprendizado. É dessa forma que conseguem ajudar empresas a melhorar o ranqueamento dos seus sites.

Você vai entender agora quais são os 4 fatores de ranqueamento SEO mais conhecidos, e que podem impactar em como o seu site é classificado no Google.

Mas para entender em maior profundidade sobre os mecanismos de funcionamento do Google, acesse nosso artigo completo sobre otimização de sites para empresas.

4 principais fatores de ranqueamento de um site

Vamos escrever um pouco sobre os 4 fatores de ranqueamento de um site no buscador Google. Existem muitos outros fatores não mencionados aqui, este são apenas alguns que podem ajudar seu site a melhorar o posicionamento nos resultados de pesquisa orgânica.

1 – Produção de conteúdo de qualidade pode ajudar a melhorar o ranqueamento do seu site.

Fator de ranqueamento 1 - Produção de conteúdo de qualidade
Já é bastante conhecida a importância de produzir conteúdo como um dos fatores de ranqueamento do Google.

 

Já é bastante conhecida a importância de produzir conteúdo como um dos fatores de ranqueamento do Google

É possível afirmar, ainda, que os algoritmos do Google trabalham buscando proporcionar a melhor experiência aos usuários. Assim, se o seu site gerar uma boa impressão para as pessoas que o acessam, o Google o posicionará melhor.

Para garantir esta melhor experiência do usuário, primeiramente você precisa oferecer um conteúdo qualificado. Com isso, ficará mais fácil para o Google (e para o usuário real) entender que o seu site é relevante dentro do seu nicho de atuação.

Para conseguir proporcionar este conteúdo de qualidade, é preciso levar em consideração também a estrutura do texto e como ele mostra as respostas para as dúvidas do usuário.

Assim, um texto com boa estrutura contém cabeçalhos, títulos e intertítulos que facilitam a vida de quem está lendo. De forma fluida, o conteúdo deve abordar a palavra-chave em questão, e responder tudo aquilo que o usuário está se perguntando naquele momento.

Pode até parecer simples, mas o marketing de conteúdo é bastante extenso e é por isso que temos um artigo específico do assunto. 

 

veja nossos outros posts que podem contribuir no seu projeto:

2 – Backlinks / GuestPost – Um dos fatores mais poderosos para ranquear um site

Fator de ranqueamento 2 - Backlinks / GuestPost
O segundo fator de ranqueamento SEO bastante conhecido é a importância de construir uma rede de backlinks no seu site.

O segundo fator de ranqueamento SEO bastante conhecido é a importância de construir uma rede de backlinks no seu site. Ao realizar a otimização do site com esta técnica, o Google passa a entender melhor a sua relevância na sua área de atuação.

Na verdade, construir uma rede de backlinks que apontam para um site é um dos fatores que o Google mais considera para posicioná-los melhor nos resultados. Se você unir a estratégia do marketing de conteúdo com os backlinks então, estará sendo ainda mais estratégico e efetivo.

Porém, um ponto importante é que os backlinks devem ser de qualidade. Afinal, se vários domínios considerados confiáveis começam a indicar o seu site, o Google entende que o seu site é de qualidade também.

Mas saiba que o contrário também acontece. Se domínios fracos ou com baixo posicionamento do Google estão direcionando usuários para o seu site, o Google pode interpretar isso como algo negativo.

Por isso, é importante contar com profissionais que entendam do assunto para montar a sua estratégia de backlinks.

3 – Arquitetura do site / Dados estruturados – Trabalho fundamental para um com ranqueamento

Fator de ranqueamento 3 - Arquitetura do site / Dados estruturados
Na sequência, o terceiro fator de ranqueamento SEO que queremos citar é a organização do seu site.

Na sequência, o terceiro fator de ranqueamento SEO que queremos citar é a organização do seu site.

Este ponto é essencial para auxiliar na experiência do usuário dentro do seu site. Afinal, a arquitetura do site nada mais é do que organizar de forma detalhada todas as informações que existem lá.

E quando tudo está organizado, é claro que esta experiência será melhor para os usuários reais. Nesse sentido, o site passa a ter uma navegabilidade muito mais intuitiva, e é melhor posicionado nos resultados de buscas.

Ao mesmo tempo, de nada adianta um site ser lindo e organizado, se os dados não estão estruturados para se comunicar efetivamente com os buscadores.

Os dados estruturados nada mais são que informações padronizadas como se fossem uma receita. A partir desta receita, a comunicação entre o site e os buscadores se torna fluida e os robôs dos sistemas conseguem interpretar as informações que estão sendo comunicadas aos usuários.

Este é um ponto mais técnico envolvido no serviço de desenvolvimento de site ou otimização de site. Por isso, conte com uma equipe qualificada como a da PubliUP que possui qualificação no assunto.

Por contar com uma consultoria SEO para empresas, seu site será desenvolvido com as melhores práticas de SEO alem do indispensável dados estruturados. Mas como já comentamos, o assunto é mais extenso e convidamos você a acessar nosso conteúdo mais aprofundado sobre Dados Estruturados (TEXTO 16).

4 – Tempo de carregamento / Velocidade da página – Fator de exclusão no ranqueamento de um site

Fator de ranqueamento 4 - Tempo de carregamento / Velocidade da página
Para finalizar, o quarto fator entre os principais fatores de ranqueamento SEO é o tempo de carregamento do seu site.

Para finalizar, o quarto fator entre os principais fatores de ranqueamento SEO é o tempo de carregamento do seu site. Nesse ponto, a regra é bastante clara: quanto mais rápido a página carregar, melhor será a posição do site.

Além disso, como hoje a busca através de dispositivos móveis tem crescido muito, a necessidade de alta velocidade das páginas é muito grande. Considerando que a maioria das pessoas acessa seus celulares na rua o tempo todo utilizando conexões móveis, é preciso se adaptar a esta realidade.

Afinal, estas redes móveis são mais lentas do que as redes fixas acessadas pelos computadores nos ambientes de trabalho das pessoas, por exemplo.

E como o Google quer entregar a todo custo a melhor experiência possível para o usuário, não faria sentido posicionar bem um site que falha neste aspecto tão importante.

 

Conclusão sobre os fatores de ranqueamento

Portanto, ao entender quatro dos 4 Principais fatores de ranqueamento que todo site deve ter que existem, é possível compreender um pouco melhor os passos que devem ser tomados para melhorar a sua performance no mundo digital.

São diversos outros fatores envolvidos, porém ao considerar os principais, você já começa a ter melhores resultados, e consequentemente, mais clientes.

Por isso, lembre-se sempre que é importantíssimo investir na otimização do seu site, e estar em constante monitoramento e busca de melhoria para tudo o que você faz na internet.

Ao buscar por este tipo de desenvolvimento para a sua empresa, você certamente se destacará dos concorrentes e conquistará ainda melhores resultados.

Gustavo Oliveira

Meu nome é Gustavo Oliveira, sou apaixonado por Empreendedorismo e sou colunista da Stakeholder News, empresa especializada em soluções de tecnologia, Marketing e Empreendedorismo para pequenas e médias empresas, ajudando profissionais em fases iniciais e intermediárias de suas carreiras, e pequenas e médias empresas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.