3 coisas que seu cliente de projeto quer que você saiba


Business graph with arrow showing profits and gains

Os “consumidores” de nossos projetos são nossos clientes. Por vezes, nossos amigos. Eles pagam as contas, e são uma espécie de tomadores de decisões. Só que muitas vezes, estes mesmos clientes não querem ter nada a ver com o que você está fazendo… só querem que você “faça”.

No entanto, há três coisas que a maioria – talvez não todos, mas a maioria – dos clientes de um projeto deseja que seu gerente de projeto e sua equipe percebam desde o início.

1. Eles têm um trabalho em tempo integral

Na maioria das vezes, seu cliente no projeto é também um patrocinador do projeto, porque é algo que cai no escopo de suas responsabilidades normais dentro da organização. Sim, às vezes ele só faz isso, cuidar do seu projeto. Mas, geralmente, não é este o caso. Provavelmente ele “adquiriu” o projeto porque foi atribuído a ele ou porque é algo importante no setor em que ele atua, mas a verdade é que ele ainda tem 90% de seu tempo tomado por outras tarefas normais que ele executa diariamente.

Todos gostamos de pensar que o cliente do projeto está disponível para nós 24 horas por dia , 7 dias por semana, dia e noite, a qualquer momento que precisamos de sua atenção. Mas muitas vezes esse não é o caso. O cliente até se preocupa de verdade, mas às vezes pode ser apenas uma figura decorativa. O guardião. Você faz o trabalho, ele assina. Assim, ele espera que você entenda que ele tem um monte de trabalho a fazer, que pode não ter muito a ver com o projeto que você está executando para ele. Se você sentir que este é o caso, faça seu melhor para acessá-lo ao mínimo, e provavelmente você vai agradar mais.

2. Eles querem apenas informações importantes

Você produz relatórios detalhados de status, saídas de cronograma do projeto filtradas e painéis bacanas com códigos de cores que indicam a saúde do projeto, desde a gestão de recursos, ao status do orçamento, e o monitoramento do cronograma. Está tudo lá e você orgulhosamente envia para o seu cliente. Aí dizem: “Eu não quero ver todos esses detalhes”.

O que você faz? Isso já aconteceu com você? Aconteceu comigo. Não me interpretem mal, muitos clientes de projetos querem ver esse nível de detalhe. E muitos dos restantes pelo menos acham que ter isso em seus arquivos os faz se sentirem melhor sobre o trabalho que você e sua equipe estão fazendo, porque se você está produzindo tantos detalhes, então deve estar acompanhando tudo muito bem.

Mas há aqueles clientes que recuam diante da visão de muitos detalhes. Eles querem que você gerencie isso, e que gerencie bem, e lhes diga apenas com o que eles precisam se preocupar. Dar a eles tantos detalhes quase implica que “eles” devem se preocupar…. ou pelo menos é assim que se sentem alguns.

3. Querem que você seja pontual nas entregas

Orçamento é importante. Na verdade, costuma ser  tão importante que nem sequer precisa ser discutido, porque quando ele acaba, acaba. Já uma coisa que muitas vezes é considerada mais “móvel” do ponto de vista da equipe de entrega é o cronograma. Bem, adivinhem? Isso não é realmente a opinião de muitos clientes. Eles têm usuários internos à espera da solução, e executivos esperando para a próxima fase rolar, e talvez até mesmo fornecedores terceirizados alinhados para se amarrar no que você estiver implantando.

Você pode até pensar que um par de semanas aqui e ali não importa, mas geralmente não é esse o caso com o cliente do projeto. Você responde a eles, mas eles têm que responder a alguém acima na sua organização. E claro, você não quer deixá-los nervosos ou aborrecidos. Então nunca considere um atraso de cronograma como algo de menor importância. Discuta-os com seu cliente do projeto rapidamente – e descubram em conjunto a melhor forma de lidar com eles.

Esta é minha opinião sobre o mínimo de atenção e cuidado necessários para cuidar bem do cliente. Qual a sua?

Autor: Brad Egeland

Artigo publicado originalmente no site ProjectSmart

Publicidade